» 4.8 Luz e Saúde » Luz fluorescente : riscos de ruptura


 Luz fluorescente : riscos de ruptura


Quais são os riscos de ruptura das lâmpadas compactas de luz fluorescente?


As lâmpadas compactas de luz fluorescente (CFL's) têm riscos associados à sua eventual quebra.

O principal risco para a saúde e para o ambiente tem a ver com a possibilidade de libertação de vapores de mercúrio, porque este tipo de lâmpadas tem uma cápsula de mercúrio para o seu funcionamento. Em uso normal não existe risco de libertação de vapores de mercúrio.

As medidas de precaução a tomar em caso de acidente e ruptura, são as seguintes:

1 - Abrir as janelas da zona do edifício onde se tiver partido uma lâmpada fluorescente compacta (CFL) e ventilar o espaço durante alguns minutos.

2 - Usar luvas de borracha para remover os restos de uma lâmpada partida, utilizando papel ou cartão para pôr os restos dentro de um saco de plástico.

3 - Se a lâmpada se partiu numa superfície dura, usar papel para retirar os restos da lâmpada.

4 - Se a lâmpada se partiu num tapete, usar fita adesiva para remover os restos de vidro e de outras partículas finas, colocando-as dentro do saco de plástico. Se necessário, depois disso, aspirar a zona afectada e colocar o saco do aspirador dentro do saco de plástico que irá para a reciclagem.

Estes são  procedimentos simples que podem ser seguidos sem necessidade de ajuda especializada.

Juntamos a fonte de informação destes procedimentos
(Natural Resources Canada):


Imprimir   
topo topo
Geohabitat (c) 2009